Pesquisa 98FM/DataVero/ para Governo: Fátima tem 41,35%, contra 11,73% de Styvenson e 7,22% de Fábio Dantas

 


Pesquisa DataVero contratada pela 98 FM e divulgada nesta segunda-feira (4) mostra que a governadora Fátima Bezerra (PT) lidera com folga a disputa eleitoral no Rio Grande do Norte e, se a votação fosse hoje, seria reeleita ainda no primeiro turno.

No cenário com o senador Styvenson Valentim (Podemos), a governadora tem 41,35% das intenções de voto, contra 23,2% dos demais adversários somados. Sem Styvenson, Fátima chega a 42,41%, contra 14,84 dos outros somados.
Veja os números:
 
Governo do RN – Estimulada – Cenário 1
Fátima Bezerra (PT): 41,35%
Styvenson Valentim (Podemos): 11,73%
Fábio Dantas (Solidariedade): 7,22%
Rosália Fernandes (PSTU): 1,46%
Clorisa Linhares (Brasil 35): 1,26%
Wesli Natal Zueira (DC): 0,8%
Danniel Morais (PSOL): 0,73%
Ninguém/branco/nulo: 19,68%
Não sabe/não respondeu: 15,77%
 
Governo do RN – Estimulada – Cenário 2
Fátima Bezerra (PT): 42,41%
Fábio Dantas (Solidariedade): 9,41%
Rosália Fernandes (PSTU): 1,72%
Clorisa Linhares (Brasil 35): 1,59%
Wesli Natal Zueira (DC): 1,06%
Danniel Morais (PSOL): 1,06%
Ninguém/branco/nulo: 24,78%
Não sabe/não respondeu: 17,96%
 
Governo do RN – Espontânea
Fátima Bezerra (PT): 25,31%
Fábio Dantas (Solidariedade): 3,05%
Styvenson Valentim (Podemos): 2,58%
Rosália Fernandes (PSTU): 0,40%
Clorisa Linhares (Brasil 35): 0,13%
Danniel Morais (PSOL): 0,07%
Wesli Natal Zueira (DC): 0,07%
Não sabe/não respondeu: 59,05%
Nenhum: 9,34%
 
Dados
A pesquisa 98FM/DataVero entrevistou 1.500 pessoas entre os dias 28 de junho e 1º de julho. A margem de erro é de 2,5 pontos percentuais, com intervalo de confiança de 95%. A pesquisa está registrada na Justiça Eleitoral sob os protocolos BR-08402/2022 e RN-00701/2022.

98FM*

 

Prefeitura realiza processo seletivo para assistentes de alfabetização voluntários do Programa Tempo de Aprender em nossa Riacho de Santana

 


A Prefeitura de nossa Riacho de Santana através da Secretaria Municipal de Educação realiza  processo seletivo simplificado para assistentes de alfabetização voluntários do Programa Tempo de Aprender. Inscrições serão realizadas amanhã(5), terça-feira. Vagas serão para residentes em nosso município. 
 
As inscrições serão realizadas na Escola Municipal João Bernardino de Lima, Riacho de Santana/RN, localizada na Rua Clodomiro Elias, 104, Centro, das 08h às 11h e das 13h às 17h.
 
Confira o edital abaixo para mais informações.
 
CLIQUE AQUI PARA VER O EDITAL

Volta as aulas na rede municipal e estadual de nossa Riacho de Santana é adiada para o dia 11 de julho

 


A Secretaria Municipal de Educação e Desporto de Riacho de Santana comunicou nas redes sociais hoje(3),  que o retorno às aulas no âmbito das redes municipal e estadual de ensino, que estava previsto para amanhã (04), só acontecerá no dia 11 de julho de 2022, próxima segunda-feira.
 
A decisão pelo adiamento ocorreu durante reunião colegiada, com representantes da Secretaria Municipal de Saúde, gestores escolares (rede municipal e estadual) e equipe pedagógica, em busca de um retorno às atividades mais seguro aos nossos estudantes, professores, servidores e toda comunidade escolar.
 
Diante do aumento de casos de COVID-19 em todo o país, com reflexos no nosso estado e município, se fez necessária essa medida de prevenção em caráter temporário para o bem comum.

RN confirma primeiro caso de varíola dos macacos

 

O Rio Grande do Norte confirmou nesta sexta-feira (1º) o primeiro caso de varíola dos macacos do estado. O caso começou a ser investigado em 23 de junho.

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), o paciente tem 40 anos e está estável, sem necessidade de internação, isolado em sua residência.

O homem teve histórico de viagem recente à Espanha. Ele foi atendido na rede de saúde do estado no dia 23 de junho, teve o caso notificado e enviado para investigação.

"O paciente está bem, em casa, em isolamento, e segue sendo monitorado pela equipe de infectologistas do Hospital Giselda Trigueiro. É importante destacar pra toda a população que nós já mantemos na rede estadual um fluxo de atendimento em diagnóstico para possíveis casos de monkeypox [varíola dos macacos] aqui no RN", explicou a subcoordenadora de vigilância epidemiológica da Sesap, Diana Rêgo.

Com a confirmação do primeiro caso, a Sesap reforçou à população a necessidade de manutenção dos cuidados e atenção aos sintomas.

"Solicitamos e também gostamos de informar à toda a população sobre a importância de identificar os possíveis sintomas e procurar o quanto antes as unidades de saúde", pontuou Diana.

Recentemente, a Secretaria de Saúde do RN emitiu uma orientação aos municípios para o tratamento da doença em hospitais.

A rede de saúde estadual já conta com um fluxo de atendimento pronto, destacados os hospitais Giselda Trigueiro, em Natal, e Rafael Fernandes, em Mossoró, para tratamento de eventuais casos.

A transmissão ocorre por contato próximo com lesões, fluidos corporais, gotículas respiratórias e materiais contaminados.

G1RN*
 

Eleições 2022: restrições para agentes públicos começam a valer hoje

 

Restrições para servidores públicos e pré-candidatos às eleições de outubro passam a valer a partir de hoje (2), três meses antes do primeiro turno.

As medidas estão previstas na Lei nº 9.504/1997, conhecida como Lei das Eleições, e objetivam manter o equilíbrio entre os candidatos. 

Políticos estão proibidos de autorizar a veiculação de publicidade estatal sobre os atos de governo, realização de obras, campanhas de órgãos públicos federais, estaduais e municipais, exceto no caso de grave e urgente necessidade pública. Nesse caso, a veiculação deverá ser autorizada pela Justiça Eleitoral. 

Eles também não podem fazer pronunciamento oficial em cadeia de rádio de televisão, salvo em casos de questões urgentes e relevantes, cuja autorização também dependerá de autorização da Justiça Eleitoral.  

A participação em inaugurações de obras públicas também está vedada, além da contratação de shows artísticos com dinheiro público. 

Durante o período eleitoral, funcionários públicos não podem ser contratados, demitidos ou transferidos até a posse dos eleitos. 

No entanto, estão liberadas a exoneração e a nomeação de cargos em comissão e funções de confiança, além das nomeações de aprovados em concursos públicos homologados até 2 de julho de 2022. 

Em julho, o calendário eleitoral também prevê outras datas importantes para o pleito. 

De 20 de julho até 5 de agosto, os partidos deverão realizar suas convenções para escolher oficialmente os candidatos que vão disputar as eleições. 

A partir do dia 20, candidatos, partidos políticos, coligações e federações terão direito à solicitação de direito de resposta por afirmações consideradas caluniosas, difamatórias ou sabidamente inverídicas que forem publicadas por veículos de comunicação social. 

O primeiro turno será realizado no dia 2 de outubro, quando os eleitores vão às urnas para eleger o presidente da República, governadores, senadores, deputados federais, estaduais e distritais. Eventual segundo turno  para a disputa presidencial e aos governos estaduais será em 30 de outubro. 

AgênciaBrasil*

 

RN anuncia redução de 18% de alíquotas de ICMS sobre combustíveis, gás e energia

 

A Secretaria Estadual de Tributação do Rio Grande do Norte (SET/RN) anunciou que reduzirá para 18% a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que incide sobre combustíveis, gás natural, energia elétrica e comunicações. A medida terá efeito retroativo ao dia 23 de junho, dia da publicação da Lei Complementar Nº 194/2022.

Atualmente, a alíquota praticada no Rio Grande do Norte é de 29% sobre combustíveis como diesel e gasolina. A redução é reflexo da lei sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro, que limitou a incidência do ICMS em produtos considerados essenciais. A legislação passou a estabelecer os combustíveis, energia e gás no rol.

Com a decisão, a pasta vai alterar, em decreto publicado nos próximos dias, a alíquota do ICMS sobre as operações com combustíveis, gás natural, energia elétrica e comunicações à alíquota geral vigente no RN.

"Essas medidas devem impactar na casa de R$ 90 milhões por mês em arrecadação do ICMS. O Governo espera que efetivamente essa medida chegue a reduzir os preços dos combustíveis nas bombas, beneficiando a população", afirma o titular da SET/RN, Carlos Eduardo Xavier.

O Rio Grande do Norte e outros dez estados entraram com Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a lei que determinou a incidência do ICMS estadual em uma única vez, com alíquotas uniformes, em reais, sobre os preços dos combustíveis.

Além de Fátima Bezerra, assinam a ação os governadores de Pernambuco, Maranhão, Paraíba, Piauí, Bahia, Mato Grosso do Sul, Sergipe, Alagoas, Ceará e Rio Grande do Sul. Não há confirmação se a administração estadual irá abrir mão da judicialização do tema.

G1RN*